segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Primeira Impressão: Homeland

Homeland é uma das melhores séries dramáticas a estreiarem nesta temporada 2011/2012.  Com um bom elenco que conta com Damian Lewis (Life, Band of Brothers), Claire Danes (Minha Vida de Cachorro), e Morena Baccarin (o remake fracassado de V, Firefly), a série da Showtime conta a estória de um militar americano (Lewis) que ficou preso no Iraque durante 8 anos até ser resgatado dos terroristas.


Após anos de tortura e sofrimento, o Sargento Brody tem que retornar a sua casa e retomar a sua vida com a sua família, ou seja sua esposa Jessica (Morena Baccarin) e seus filhos.  Entretanto, ao mesmo tempo a agente da CIA Carrie Mathison tem uma grande suspeita que ela pretende perseguir de qualquer maneira, independente da aprovação de seus superiores em Langley.  Anos atrás, ela recebeu uma informação no Iraque, quando era uma agente de campo que um americano teria sido convertido.  Agora com o surgimento de um heroi em potencial como Brody, ela acredita firmemente que ele é o individuo de quem seu informante comentara.

Com interpretações convincentes de Lewis e Danes, a série mantem o interesse de como vai se seguir o retorno de Brody e se ele realmente é o espião de um grupo terrorista muçulmano e o que fará com o poder que agora detém , por ser considerado um heroi americano.  Melhor estreia da temporada até o momento para o público adulto que quer algo mais cerebral e fora dos padrões das franquias CSI e Lei e Ordem, que não me entendam mal, são boas, mas esquemáticas.

Um comentário: